5 dicas de logística para sua empresa crescer mais e mais rápido

A parte logística de uma empresa é fundamental para a sua atuação e desenvolvimento. É somente com uma boa execução de processos nesse sentido que o empreendimento vai conseguir produzir, armazenar e entregar resultados para o cliente de maneira altamente competitiva e satisfatória.

Ao mesmo tempo, a logística traz desafios e precisa de uma boa execução para que seja possível vencê-los de maneira contínua. Do contrário, o negócio pode ficar estagnado quanto à sua capacidade de atendimento e também quanto ao atendimento das exigências dos clientes.

Pensando nisso, veja a seguir 5 dicas de logística para a sua empresa crescer mais e mais rápido.

Qual é o impacto de uma logística bem pensada?

Uma logística bem definida gera impactos positivos e consistentes em um negócio. Em primeiro lugar, ela é capaz de criar economia em muitos sentidos: há a diminuição de desperdícios e também a otimização de diversos fatores. Com isso, há ganhos em eficiência e quanto ao uso de recursos, o que leva à economia.

Outra questão é que ela também é capaz de produzir lucros maiores. A economia realizada garante um aumento da margem de lucro, mas também há questões como o aumento das vendas. Se a logística é mais robusta, a empresa consegue atender mais facilmente às necessidades de mais clientes.

Além de tudo, é algo que melhora a qualidade de produtos e serviços, o que gera mais satisfação por parte dos consumidores. Eventualmente, isso estimula a fidelização e o número maior de negócios fechados. Mais lucrativo e com mais qualidade, o negócio se torna mais competitivo e mais robusto para encarar o mercado.

Como usar a logística para fazer a sua empresa crescer?

Considerando que a logística é fundamental para um negócio, ao utilizá-la da maneira correta você vai conseguir fazer com que o seu negócio cresça. Mais do que isso, o empreendimento vai crescer mais rapidamente e de maneira sustentável.

Para tanto, é necessário adotar medidas como:

Realize o planejamento logístico

O planejamento logístico é essencial para dar visibilidade sobre todo o processo. Quanto melhor ele é, maiores são as chances de que o empreendimento consiga obter todas as vantagens de uma logística preparada.

Para tanto, é importante pensar em toda a cadeia de suprimentos e em seus componentes, de modo a compreender quais são os processos envolvidos nesse sentido. A partir daí, é necessário identificar uma ordem adequada para cada etapa.

Por exemplo: é possível planejar como acontece a compra de matéria-prima, a produção e, então, o armazenamento. A partir daí, define-se como o produto chega até o cliente e todas as etapas que devem existir para que seja ela considerada um sucesso. Isso evita, inclusive, que ocorram etapas desnecessariamente burocráticas e improdutivas.

Cuide do armazenamento de produtos

Por falar nele, o armazenamento de produtos (Caixa de Papelão) precisa de cuidado especial, ainda mais do ponto de vista do estoque em si. Se ele for feito da maneira incorreta haverá indisponibilidade de produtos para o cliente ou, no mínimo, demora para que a entrega seja realizada.

Sendo assim, é importante definir, por exemplo, onde vai acontecer o armazenamento. Para expandir sua logística e atender a mais clientes é possível estabelecer centros de armazenamento e distribuição em locais estratégicos.

Ainda é necessário defini quais são as condições adequadas de armazenamento e como acontece a entrada e saída de itens.

Acerte no manuseio de itens

Tanto do ponto de vista interno como do ponto de vista externo, o manuseio de itens deve ser outra etapa a ser planejada da maneira certa. Isso é fundamental tanto para ganhar em produtividade como também para proteger os itens.

Especialmente quando se fala de itens mais delicados, como produtos frágeis, é fundamental definir como os colaboradores devem fazer o manuseio. Para tanto, defina como deve ser feito o carregamento e descarregamento de veículos e como deve acontecer, também, o manuseio dentro do armazenamento.

Dê atenção às embalagens

Dentro do processo de logística da sua empresa, um elemento é especialmente fundamental: a embalagem. Ela é uma decisão importante porque, em primeiro lugar, influencia o manuseio e o armazenamento.

Uma embalagem de baixa qualidade coloca em risco a proteção do produto. Se ele for perecível, a embalagem errada colabora para a falta de segurança quanto ao item. Mesmo em outros casos, a embalagem errada pode significar perda de valor e até mesmo de utilidade do produto.

Quanto ao manuseio, a embalagem certa facilita o processo e oferece assertividade, qualidade e eficiência. Com isso, o transporte também se torna mais adequado e com resultados melhores.

Além de tudo, a embalagem tem impacto direto no consumidor final. Se for escolhida da maneira correta, ela gera atração e interesse por parte de quem compra, o que ajuda a posicionar o produto de uma maneira mais competitiva.

Com isso, a embalagem não ajuda apenas a logística em si do negócio, mas também o seu posicionamento de mercado de uma forma geral, o que colabora para o desempenho e crescimento do empreendimento.

Cuide do transporte e da entrega

Por fim, a última etapa da logística é o transporte, que fará com que o produto chegue ao cliente final. Ela tem grande impacto sobre os resultados quanto à satisfação do negócio, então é importante garantir que ela seja feita da maneira correta.

É preciso pensar em questões como a escolha correta do veículo e também a seleção e o planejamento de rotas mais adequadas. A partir daí, também dá para utilizar outros recursos, como sistemas de gestão de entregas, que garantem resultados mais satisfatórios.

Ter uma logística bem pensada faz com que o seu negócio se torne mais lucrativo, mais competitivo e, com isso, mais propício ao desenvolvimento acelerado. Para tanto, é preciso cuidar do planejamento como um todo, passando pelo armazenamento, manuseio e transporte. Para favorecer todos esses processos, a escolha da embalagem correta é indispensável porque, além de tudo, impacta diretamente a atração e interesse por parte do cliente final.

Agora que você já sabe quais dicas aplicar, que tal dividir esse conhecimento? Compartilhe esse post nas redes sociais e deixe mais gente sabendo sobre o assunto!

Deixe um comentário

Por favor, seja educado. Nós gostamos disso. Seu e-mail não será publicado e os campos obrigatórios estão marcados com "*"